segunda-feira, 28 de maio de 2012

Por que a Azul se associou com a Trip ?

A Trip tem pouco mais de 4% do mercado nacional, seus maiores sócios são grupos rodoviários e foi muito cobiçada pela gigante TAM ultimamente, que cogitou comprar 31% dela no ano passado. Na outra ponta deste negócio a Azul, que pertence ao seu fundador David Neelemann e aos fundos de investimento Gávea e TPG e detém quase 10% do mercado. A fusão das duas não envolverá dinheiro, apenas troca de ações. 




Juntas, com mais de 14% do mercado nacional de aviação civil e contando em sua maioria com aviões da embraer, ficam com a terceira posição e atrás somente de TAM e GOL. Esta união pode ser vista por alguns prismas. 


Um deles é o sentimento de que nenhuma das duas gostaria de ser "engolida" por uma das duas maiores. Tanto TAM como GOL tendem a ter um crescimento alavancado até a copa do mundo, uma vez que a GOL está em processo final de aprovação da compra da WebJet e a TAM finaliza sua fusão com o grupo Lan Chile, o que sem dúvidas vai dar mais fôlego para investimento de ambas em detrimento da pouca capacidade para empresas pequenas se alavancarem na mesma velocidade. Isto sigfnificaria perda de mercado.


Outra forma de se observar esta fusão, na qual Neeleman e os acionistas da Azul (fundada em 2008) terão 66,66% da nova empresa mas o presidente que conduzirá a fusão é o atual da Trip, José Caprioli, é que com o crescimento do número de Slots (posições que cada cia. aérea tem em cada aeroporto para pousos e decolagens) devido às obras de infra-estrutura para a Copa do Mundo,  quando se é a terceira do mercado o poder de conquista destas posições fica muito fortalecido.


Como é uma fusão também devemos levar em conta a questão custos e negociações com fornecedores, que é inerente a qualquer fusão entre grandes empresas. 


Assim, é possível prever que as duas cias. ganham com a fusão, e exibe-se um sinal amarelo para as outras concorrentes do mercado regional, como a Avianca. Vamos ver o que acontece no futuro, em um mercado que se concentra cada vez mais, como os bancos nos anos noventa.


Abraços a todos!

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

5 comentários:

Nágea Luiza Batista disse...

GRATOS PELA INFORMAÇÃO! UMA ÓTIMA SEMANA! FORTE ABRAÇO!

Anônimo disse...

Esperamos só que com essa fusão não aconteça um "monopólio" Do mercado doméstico e as tarifas subam demais. Mas é isso aí.

Anônimo disse...

Tentando bater a gol que passa por um momento bem ruim, e assim conseguir a segunda posição do mercado Brasileiro. Azul começa a operar voos pra Punta Del Leste em 2013, iniciando assim, voos 'internacionais'. Até 2015 estarão recebendo váárias aeronaves, Embraer's. A partir de então, ninguém sabe qual o tipo de aeronave adotado, mas podemos prever que seja algum tipo maior, já que a ideia é aumentar voos pra América do Sul. Com a fusão, junta-se as rotas da trip com o mercado da Azul. Só espero que eles continuem tão humildes como dizem, e tão família, não deixando que o 'sucesso' suba a 'cabeça'

joao paulo Trajano disse...

òtimo post, www.ecologicamentecorreto2.blogspot.com.br

Anônimo disse...

E agora a Companhia vai se chamar TRIPAZUL

Postar um comentário

  ©Antropomidia | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger