sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Os detalhes e emoções de um Rei



“... pensando ter amor nesse momento, desesperada você tenta até o fim, mas até nesse momento você vai... você vai lembrar de mim”
Quando era (bem) mais novo, tinha verdadeiro ódio de todos que gostavam de Roberto Carlos. Até porque minha geração tinha que ser totalmente contra o que nossos pais gostavam. Até porque ele não cantava músicas bradando contra a ditadura (vigente na época).
Estava nesta sexta assistindo ao show anual do Rei. Sim, nunca o chamei assim, mas vou chamá-lo em sua homenagem. Quando a gente fica mais velho fica mais exigente e se tem alguma coisa boa nisso é que nosso gosto evolui. Aprendemos a saber a distinguir o que é bom, bem feito, do que é ruim.
Roberto Carlos é um músico, compositor, intérprete completo. Não é lugar comum. É o lugar. Não é pelos aplausos que ele recebe. Nota-se nas canções, uma poesia sublime, fruto de um trabalho de composição muito bem feito. Basta ouvir o fundo de suas músicas e em todas elas a orquestra, a musicalidade em tons que poderiam ser ouvidos sem a letra por uma noite inteira.
A interpretação de Roberto, com cinqüenta anos de carreira, demonstra amor por aquilo que faz. Eu sempre fui assim, em minha carreira toda, fiz tudo com amor e carinho. E aprendi a reconhecer pessoas que fazem o que gostam e com amor. Mesmo com músicas que canta há trinta anos, podemos observar em sua interpretação a essência de tudo que dá certo: o Amor.


Não vou me desculpar pela ignorância de minha juventude, até porque essa ignorância é que faz me sentir melhor hoje do que ontem. Só posso aqui deixar meu registro de admiração e agradecer por tantas pessoas que Roberto Carlos fez e faz felizes até hoje.
Parabéns Roberto, com certeza muitas emoções você viveu, mas para seus fãs e aqueles que ainda não são, o importante são as emoções que você proporciona.
Abraços a todos!
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

8 comentários:

LISON disse...

Saudações Fraternas!
Amigo Luis
Excelente Post!

Hoje o meu amigo está bastante inspirado. Gostei muit de ler a sua narrativa e em especial a sua homenagem a Rei Roberto Carlos, com destaque a você assumir pequenos pontos de vista da sua juventude.!
Parabéns pelo excelente Post!
Abraços,
LISON.

Luisa L. disse...

Olá Luís,

É isso, a maturidade dá-nos uma visão diferente dos factos e das pessoas. Felizmente que é assim.

Grande abraço
Luísa

Isabel Ruiz, disse...

Que legal esse post! Uma bela homenagem ao Rei.
Eu sou fã de carteirinha rssrss.
Infelizmente eu não consegui assistir o show porque simplesmente esqueci. Isso pode até depor contra minha pessoa (como fã), mas é que estava de macaca de auditório de outro Rei... meu netinho de 20 dias. Acho que isso explica, né?
Mas voltando ao post, Roberto Carlos é único e suas músicas aquecem nossos corações.
Abraços
Bel

Principe Encantado disse...

Realmente suas palavras descrevem o Rei que é Roberto Carlos, que por várias gerações vem se mantendo firme em seus seguidores.
Abraços forte

Ranniery Lima disse...

Roberto Carlos tem canções que marcaram e marcam até hoje. Ele é uma lenda viva da música brasileira, um ícone. Nas suas letras há poesia.

Excelente postagem. Parabéns!

Victor S. Gomez disse...

Robeto Carlos é um idolo do povo brasileiro. abraços

Anônimo disse...

Pior... depois que caput, a globo irá reprisar todo natal por mais 50 anos os "melhores" momentos da mala...

Susi disse...

Oi Luís,
Como sempre excelente post, realmente as músicas do rei sao maravilhosas.
FELIZ ANO NOVO!

Postar um comentário

  ©Antropomidia | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger